Desde 2000
Todas as manhãs informando o operador do direito
24
Jul

Justiça determina fiança de 20 mínimos para acusado de aplicar golpe do feitiço

Um homem de 54 anos, preso em flagrante após aplicar um golpe em uma senhora de 65 anos, passou por audiência de custódia na tarde desta terça-feira (23/7), na comarca de Chapecó, oportunidade em que teve fixado valor de fiança para responder ao processo em liberdade, no valor equivalente a 20 salários mínimos. Sem dinheiro, ele já se preparava para retornar ao Presídio Regional de Chapecó quando um familiar chegou ao fórum com R$ 19.960 em dinheiro, pagou a fiança e obteve a liberdade do acusado.

Até o julgamento, conforme determinação da juíza Ana Karina Arruda Anzanello, titular da 2ª Vara Criminal, o acusado ficará em liberdade provisória e terá que comparecer ao fórum sempre que solicitado, não poderá mudar de residência sem autorização prévia da Justiça e precisará avisar onde será encontrado caso se ausente por mais de oito dias de sua residência. Se descumprir alguma das obrigações, a fiança será considerada quebrada e a liberdade provisória poderá perder seu efeito e ser substituída pela prisão preventiva.

A vítima contou à polícia que na semana passada recebeu a visita de dois homens da cultura cigana. Eles comercializavam chás, mas durante a conversa disseram que precisavam fazer um feitiço para evitar a morte de um familiar. O “trabalho” custaria R$ 6.500. A idosa entregou o dinheiro, porém mais tarde percebeu o golpe e registrou um boletim de ocorrência. Na manhã de segunda-feira (22), a dupla voltou à residência para pedir mais R$ 12 mil para complementação do “serviço”. A vítima chamou a polícia. O outro suspeito fugiu em um carro prata (Autos n. 0007650-40.2019.8.24.0018).

Últimas Notícias