Desde 2000
Todas as manhãs informando o operador do direito
20
MAI

Senado aprova Fachin: um advogado paranaense na defesa da Constituição

O Senado Federal aprovou nesta terça-feira (19), por 52 votos a 27, a indicação do nome do jurista paranaense Luiz Edson Fachin para ocupar uma cadeira de ministro do Supremo Tribunal Federal. A aprovação foi comemorada pela OAB Paraná, que se mobilizou pela efetivação do seu nome. Fachin é advogado inscrito na OAB Paraná  e exerce a advocacia há quase 35 anos.

"Hoje o país vai dormir mais justo", disse o presidente da OAB Paraná, Juliano Breda, que esteve na sabatina de Fachin e nesta terça foi a Brasília para acompanhar a votação. "Pela primeira vez nos últimos tempos os paranaenses se uniram por um mesmo propósito e acreditaram nesse sonho de uma justiça melhor para todos. É alguém que nos orgulha e que certamente engrandecerá a nossa Corte maior. O Brasil tomou conhecimento da excelência do conhecimento jurídico, da humildade e da trajetória desse grande advogado paranaense. Fachin é a prova do que temos a oferecer para o Brasil", afirmou Breda. 

Jurista de expressão internacional, Fachin foi indicado pela presidente da República Dilma Rousseff para ocupar a vaga deixada por Joaquim Barbosa. Seu nome recebeu o apoio de todo o meio jurídico brasileiro e  uniu lideranças políticas do estado. Assim que o nome do jurista surgiu como um dos possíveis indicados, a OAB Paraná encaminhou ofício à presidente Dilma Rousseff e ao presidente do Senado, Renan Calheiros, manifestando total apoio ao nome de Fachin para o Supremo. O Colégio de Presidentes de Subseções, realizado em Curitiba, em abril, aplaudiu a indicação do advogado e divulgou moção de apoio à aprovação de seu nome pelo Senado Federal. 

Professor titular de Direito Civil da Universidade Federal do Paraná, com doutorado em Direito na Pontifícia Universidade Católica de São Paulo e pós-doutorado no Canadá, Luiz Edson Fachin foi conselheiro da Seccional. Nascido no Rio Grande do Sul, mas radicado no Paraná, é um dos mais respeitados especialistas do país nas áreas de Direito Civil e de Família.  Fachin será o segundo paranaense a se tornar ministro do Supremo Tribunal Federal. O primeiro foi Ubaldino do Amaral Fontoura, nomeado em 1894.

Fonte: OAB-PR

Últimas Notícias